10/10

É só chegar, fazer a reserva do horário, e se preparar para conhecer Itacaré e sua riqueza cultural com quem sabe do assunto. No Aldeia do Mar, os hóspedes tem um city tour de cortesia, graças a uma parceria do hotel com a agência Conexão Itacaré. O passeio acontece, nas segundas e sábados, sempre às 16h, com uma hora e meia de duração, passando por pontos históricos da pequena cidade. Termina com um belo pôr do sol na vila de pescadores.  

A história conta que os mais antigos monumentos Itacaré são a Casa dos Jesuítas e a Igreja Matriz (1723), primeiro bem oficialmente tombado pelo Instituto do Patrimônio Ambiental e Cultural da Bahia (IPAC). Com quase 300 anos, a igreja tem oratório rococó, com imagens de vários santos, inclusive o padroeiro da cidade, São Miguel. O município guarda também sobrados e casarões transformados em pousadas e casas comerciais, muito bem preservados e que merecem uma visita.

 

Vale já saber que o nome Itacaré tem um significado ainda cercado de dúvidas. Para alguns, é pedra redonda. Para outros, pedra bonita. E, mais recentemente, pesquisadores da Universidade Federal da Bahia afirmam que seus estudos apontam para outra direção  – Itacá é rio ruidoso e ré é diferente. Assim, Itacaré tem tradução como “rio de ruído diferente”... Cá entre nós, o que não resta dúvida é o seguinte: Itacaré é um paraíso que você não pode deixar de conhecer!